Louça borrão, mais conhecida como azul borrão, é a denominação de peças inicialmente fabricadas na Inglaterra, que eram decoradas com cobalto e que tinham a aparência de estarem “borradas”. O cobalto é um metal de transição, que foi utilizado durante séculos por transmitir uma cor azul ao vidro e cerâmicas, o famoso azul cobalto. Foi muito utilizado pelos chineses desde o século XVI. Os ingleses, viajando para o Oriente, trouxeram de lá louças em branco e azul, que foram bem recebidas na Inglaterra, onde, no século XIX, começou a produção de peças que utilizam o cobalto. Sem conhecimento profundo sobre o material, as peças inglesas recebiam a decoração com cobalto antes da vitrificação, e durante o processo de queima no forno, o cobalto se infiltrava e o azul ultrapassava os limites do desenho, ficando com a aparência de borrado. As louças feitas com este processo de decoração, descoberto “por acidente”, caíram no gosto dos ingleses e logo se popularizaram por toda a Europa, sendo posteriormente importadas para outros lugares, como Estados Unidos e Brasil.