No final do século XIX até aproximadamente 1920, foram importados do  Japão para o Brasil uma série de porcelanas muito finas, translúcidas, para uso de mesa: aparelhos de jantar, de chá e de café de forma puramente OCIDENTAL (francesa, inglesa), mas com decoração ORIENTAL: cenas da vida japonesa como gueixas, mulheres com sombrinhas, caramanchões com trepadeiras floridas, pagodes, salgueiros etc.

Extremamente finas, estas porcelanas recebem o nome técnico de Vieux Japon, mas se tornaram conhecidas verdadeiramente pelo apelido carinhoso que receberam:”casca de ovo”, pela sua translucidez e brancura. Na maioria das vezes a decoração é pintada (ou retocada) à mão.  Rara era a família brasileira que não possuía, pelo menos xícaras de chá desta porcelana, que caíram no gosto popular. Seu representante no Brasil foi Hachia & Cia: empresa de importação famosa pelo que trazia do Oriente. Em algumas peças pode-se ver a logomarca da empresa: uma letra “H” (maiúscula) dentro de um losango.

Alguns fundos de xícaras e pequenos e delicados copos de saquê receberam decoração especial, tipo marca d’água: ver litofania.