Pequeno objeto de metal como ouro ou prata (tipo coluna ou anel) usado como “assinatura do proprietário e/ou responsável” para selar, lacras e autenticar documentos e cartas. Após a assinatura, a impressão é feita com um pouco de cera que é derramada sobre o papel no qual é pressionado o com o sinete, deixando um desenho pessoal, como um brasão ou um símbolo. Nos séculos XVI e XVII os sinetes foram amplamente utilizados.